Contacto Geral 253 027 000

Reduzimos as infeções hospitalares

Reduzir em 50% as infeções hospitalares, entre 2015 e 2018, foi o desafio lançado pela Fundação Calouste Gulbenkian a 12 hospitais, incluindo o Hospital de Braga, através da participação no projeto “STOP Infeção Hospitalar”. cerimóniaO balanço do trabalho desenvolvido ao longo dos três anos foi apresentado, a 7 de maio, na Fundação Calouste Gulbenkian em Lisboa e contou com a presença do Presidente da República. Os resultados superaram as expectativas já que se registou uma redução em 51% das infeções associadas a cateter vesical (algália), uma diminuição em 56% das infeções associadas a cateter vascular central, uma redução em 51% das pneumonias associadas à intubação e uma diminuição em 55% nas cirurgias de prótese da anca e do joelho e em 52% nas cirurgias à vesícula. O projeto passou pela introdução e reforço de várias medidas de segurança junto dos profissionais de saúde, como por exemplo, o cuidado com a higiene das mãos, dos equipamentos que contactam com os doentes e com o isolamento dos doentes de risco. O reforço do trabalho em equipa e o envolvimento dos doentes e famílias foram outras das vantagens do projeto.